FILA POR CONSULTAS OFTALMOLÓGICAS CRESCE APÓS REDUÇÃO DE 25% NOS CONTRATOS E DESCREDENCIAMENTOS DE CLINICAS

Quem necessita dos serviços de oftalmologia do SUS precisa madrugar em um dos postos da Central de Marcação de Consultas e Exames (Cemarc) para tentar conseguir senhas que serão usadas em marcação de consultas e exames na rede municipal de Saúde.

O que muitas destas pessoas ainda não sabem é que a alta demanda pode estar relacionada à redução de 25% nos contratos com os prestadores de serviços e possíveis descredenciamentos de clinicas que ofertam atendimentos oftalmológicos especializados aos usuários do SUS na capital maranhense.

Na semana passada, por exemplo, o blog já tinha revelado que os serviços oftalmológicos que são pagos com dinheiro público estariam no centro de denúncias envolvendo a prefeitura ludovicense.

Documentos oficiais aos quais tivemos acessos com exclusividade mostram que seis clinicas oftalmológicas foram habilitadas com contratos assinados em 07 de outubro de 2020, entre elas a UDI Oftalmo, Oftalmo Centro, Oftalmo Day Clinic, HRO, Centro dos Olhos São Luiz e Centro dos Olhos Maranhense.

No entanto, em reunião realizada no último mês de agosto, as empresas foram convocadas para comunicação da redução de 25% nos contratos. O problema é que aconteceu algo que não estava sendo esperado: todas as participantes concordaram com a redução no valor das propostas. Como isso, o órgão público se comprometeu a aditivar os novos contratos até o dia 30 deste mês de setembro.

A reportagem apurou que atualmente os processos encontram-se no setor de planejamento da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) aguardando liberação para reserva orçamentária. No entanto, a atuação política visa credenciar apenas a empresa do Dr. Orcelio Rezende Moreira e no máximo outras duas que estejam “alinhadas” à gestão municipal.

Piora em saúde dos olhos

Enquanto a quadrilha trabalha pela não renovação de contrato com o Sistema Único de Saúde (SUS), a procura por serviços de oftalmologia do SUS aumentaram em São Luís. A situação não só agravou a saúde dos olhos dos ludoviceses, como também pode aumentar os casos de cegueira em plena pandemia na capital. Esse, entretanto, é uma assunto para nossa próxima matéria.

Em tempos de desinformação e pandemia, o blog do Isaías Rocha reforça o compromisso com o jornalismo maranhense, profissional e de qualidade. Nossa página produz diariamente informação responsável e que você pode confiar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.