Todos os posts de Marcelo Vieira

Sob gestão de Marcos Grande, empresa registrada em nome de jovem de 19 anos assinou R$ 4,3 milhões na EMSERH

Blog do Maldine Vieira

O ex-presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH) e pré-candidato a deputado federal Marcos Antônio Grande, assinou, em fevereiro desde ano, contrato milionário com uma empresa registrada em nome de uma jovem de 19 anos.

Trata-se da GlobalServ Gestão Serviços e Comércio Ltda, registrada em nome da estudante de medicina Mariana Oliveira Alcântara Raposo.

Estudante de medicina, Mariana Oliveira Alcântara Raposo figura como sócia-administradora da empresa GlobalServ.

A assinatura contratual, no valor de R$ 4,3 milhões, ocorreu dois meses antes de Marcos Grande deixar o comando da pasta em razão da mudança de governo.

Empresa é registrada em nome de Mariana Raposo, mas foi representada na licitação por Rhaylton Serra Gomes.

De acordo com informações obtidos pela reportagem Blog do Maldine Vieira, a jovem seria uma espécie de testa de ferro do próprio pai, identificado como Marilson Oliveira Raposo.

Mariana Raposo tem 19 ano e é filha do empresário Marilson Oliveira Raposo.

Marilson é dono do poderoso grupo Global. O grupo atua no ramo mão-de-obra especializada em manutenção, conservação e limpeza.

No Maranhão, o empresário usa CNPJ’s diversos para conseguir penetra-se nos cofres públicos. Além da EMSERH, a reportagem apurou que Marilson administra milhões em contratos também na Secretaria de Estado de Educação – SEDUC.

Um mapeamento realizado no contrato assinado com a GlobalServ aponta para fortes indícios de superfaturamento. Um servente diuturno, por exemplo, aparece com custo mensal de R$ 4.300 mil.

Entre a composição dos custos estão salário base da classe, adicional de insalubridade, transporte, auxilio alimentação, auxilio morte/funeral, auxílio saúde e até auxílio cesta básica. Apesar de na teoria os funcionários terem todos esses direitos, em vários casos as terceirizadas mal pagam salário em dias. Esses e outros assuntos, no entanto, serão abordados nas próximas matérias, e devem cair com uma bomba na cabeça do hoje pré-candidato a deputado federal Marcos Grande, aguardem!.

Motoristas de São Luís vão ganhar novo acesso ligando Avenida Jerônimo de Albuquerque até a Daniel de La Touche

 

Em breve, moradores de toda São Luís, em especial os que residem no Vinhais e proximidades, terão mais uma rota de tráfego que irá facilitar o deslocamento na região entre Jerônimo de Albuquerque e Daniel de La Touche. Isso porque o Governo do Estado, por meio da Agência Executiva Metropolitana (AGEM), está finalizando a construção da Ponte e da Estrada do Vinhais Velho, antiga demanda da população que reside no bairro.

Na Estrada, os serviços estão em fase de finalização das calçadas, inclusive com adaptação dos bueiros, para que fiquem nivelados com o piso. Já na Ponte, o foco está na conclusão das cabeceiras. “Com a diminuição das chuvas, estamos podendo retomar, gradativamente, o ritmo inicial dos trabalhos. Assim, em breve, entregaremos mais esta obra para a população”, explica o presidente da AGEM, Leônidas Araújo.

Segundo ele, a obra viabilizará condições para o rápido acesso entre as avenidas Jerônimo de Albuquerque e Daniel de La Touche. “Será uma via alternativa, que ajudará a reduzir congestionamentos na região”, garante.

Mobilidade
Os motoristas que estiverem na Jerônimo de Albuquerque, no sentido Curva do 90/Elevado da Cohama, e quiserem fugir dos congestionamentos, podem encurtar caminho entrando na Rua Rio Anil (ao lado do Espetão), de onde terão acesso à Estrada do Vinhais Velho em direção à Daniel de La Touche, nas proximidades do Shopping da Ilha. Quem está vindo da Cohama, seguindo para o Shopping, e deseja retornar para o Vinhais, também pode se beneficiar da Estrada do Vinhais. Neste caso, o acesso se dá na primeira rua à direita, após o Lusitana Mall.

Estruturas

A Ponte do Vinhais Velho possui extensão de 15 metros, com largura de 12 metros, sendo 10 metros de via para veículos e três metros de passeio público (1,5m de cada lado), para facilitar a mobilidade de pedestres que, antes, utilizavam uma estrutura precária de madeira para se locomover.

Já a Estrada possui 624,6 metros de extensão. Além da pavimentação, a obra inclui calçadas com rampas de acessibilidade de 1,20 metros de largura, meio-fio e sarjetas. “Em todo o trajeto foi realizado um cuidadoso serviço de drenagem”, conclui Leônidas Araújo.

 

 

 

Pesquisa CNN/RealTime Big Data: Lula tem 40%; Bolsonaro, 32%

Pesquisa CNN/RealTime Big Data para as eleições presidenciais de 2022, divulgada em primeira mão pela CNN nesta quarta-feira (25), traz o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) com 40% das intenções de voto no primeiro turno, seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com 32%; e por Ciro Gomes (PDT), com 9%.

Depois aparecem André Janones (Avante) e Simone Tebet (MDB), com 2%; e Luciano Bivar (União Brasil), com 1%.

Este é o cenário com mais pré-candidatos e sem o ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB), que desistiu de disputar a Presidência na segunda-feira (23).

Não pontuaram os pré-candidatos Vera Lúcia (PSTU), Pablo Marçal (Pros), Sofia Manzano (PCB), Felipe d’Avila (Novo), Leonardo Péricles (UP) e José Maria Eymael (DC).

Os que dizem votar em branco ou nulo somam 9%. Os indecisos e os que não responderam correspondem a 5%.

Foram ouvidas por telefone 3 mil pessoas entre segunda-feira (23) e terça (24). A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa tem 95% de confiança. Ou seja, se 100 pesquisas fossem realizadas, ao menos 95 apresentariam os mesmos resultados dentro desta margem.

O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-07451/2022.

Também foram testados outros três cenários estimulados de primeiro turno – quando os nomes dos pré-candidatos são apresentados ao eleitor.

Na pesquisa espontânea, quando o eleitor responde em quem vai votar sem que os nomes sejam apresentados, Bolsonaro aparece com 28%; Lula, com 26%; e Ciro, com 4%.

 

Luciano, a Thaiza é uma sobrevivente”, disse médica sobre a saúde da deputada Dra. Thaiza*

 

A deputada estadual Dra. Thaiza Hortegal (PDT) voltou às atividades legislativas e usou a tribuna desta terça-feira (24) para testemunhar sobre as últimas semanas na luta pela vida após ser diagnosticada e hospitalizada com urgência devido a insuficiência renal aguda.

Inicialmente internada em São Luís, a parlamentar depois foi transferida para São Paulo, onde foi realizada uma investigação mais profunda do seu quadro clínico, considerado grave. Para a Dra. Thaiza, o momento mais difícil foi ouvir os relatos da médica nefrologista que acompanha o seu caso.

“O prefeito Luciano estava me acompanhando junto com o meu filho João e enquanto a médica relatava o caso, todas as causas e consequências, os riscos que eu passei, confesso que eu não prestava atenção, passava um filme na cabeça de tudo. A COVID, a implantação da prótese na perna. Olhei pra a cara do meu filho quando ela disse: Luciano, a Thaiza é uma sobrevivente. Isso foi muito difícil pra mim, porque falou na frente do meu filho de 10 anos, foi um momento onde eu pensava muito na Ester, que tem 6 anos, e na graça que o Senhor me deu”, relatou a deputada.

Dra. Thaiza agradeceu as orações, o cuidado e mensagens dos amigos e colegas parlamentares, e destacou a importância do seio familiar em mais um momento de luta pela vida.

“Em especial, eu agradeço ao Prefeito Luciano que, mais uma vez, esteve ao meu lado, assim como foi na COVID. Acompanhou cada consulta, cada passo dentro do hospital, e me mostrando que o seio familiar é o que ia me trazer força, aconchego, refrigério e assim renovar as minhas forças. Minha eterna gratidão a ele porque, na minha ausência, foi pai, foi mãe e um grande companheiro que não mede esforços, em nenhum momento, para que possa me ver bem e saudável e exercer aquilo que eu tanto amo, que é servir ao povo do Maranhão”, finalizou Thaiza.

Josimar Maranhãozinho declara apoio a pré-candidatura de Weverton Rocha

O deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL) anunciou na noite desta segunda-feira (25), durante uma live que vai apoiar a pré-candidatura ao Governo do Maranhão, de Weverton Rocha (PDT).

A live ainda contou com a presença da deputada estadual Detinha, deputado estadual Vinicius Louro e o deputado federal Júnior Lourenço.

Josimar contou que conversou ao longo de 60 dias com Brandão, mas percebeu que mudou apenas o governador, uma vez que na sua visão, o Governo do Maranhão ainda não lhe trata como ele acha que merece.

Josimar  tambem havia pedido que Brandao lhe ajudasse com votos para sua eleição de deputado federal, uma vez que ele já considera a sua esposa, Detinha, eleita deputada federal.

Com a chegada do PL, Weverton passa a contar com o apoio de quatro partidos. Antes já tinha o PDT, Pros e Republicanos.

Resta saber agora quantos prefeitos  irão acompanhar Josimar nessa aposta .

Governo do MA romperá contrato com empresa de ferry-boat do Pará

O presidente da Agência de Mobilidade Urbana (MOB) do Governo do Maranhão, Celso Borgneth, anunciou hoje, 20, em entrevista ao Imirante, que romperá o contrato oriundos da licitação para o serviço de travessia via ferry-boat na Baía de São Marcos com a Celte Navegação, do Pará.

O certame foi encerrado no fim do ano passado, com a contratação da empresa (saiba mais), que ainda não disponibilizou nenhuma embarcação.

“Todo este processo [de rompimento de contratos] deverá ser concluído até o fim do ano ou início do próximo”, afirmou o presidente da MOB.

Com isso, um novo procedimento deve ser aberto para a entrada de uma segunda empresa no serviço.

Blog do Gilberto Léda

Governo e Prefeitura fecham parceria por segurança em ônibus de SLZ

Imirante

Uma reunião realizada na noite desta quinta-feira (19) marcou o início de uma parceria entre o Governo do Maranhão e a Prefeitura de São Luís pela definição de estratégias de segurança para combater a recente onda de violência no transporte público da capital maranhense.

O encontro ocorreu na sede da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), e contou com a participação do titular da pasta, coronel Sílvio Leite; do secretário de Segurança com Cidadania da capital, Marcos Affonso; e do secretário municipal de Trânsito e Transportes, Diego Baluz.

Segundo o prefeito Eduardo Braide (sem partido), o encontro definiu ações “para garantir ações imediatas em relação à segurança no sistema de transporte público”.

Foram elas:

– A SMTT informará ao Estado as rotas de ônibus com maior índice de assaltos;
– A Polícia Militar intensificará as operações de fiscalização nos ônibus;
– A Polícia Civil vai agilizar as investigações dos casos ocorridos;
– E a SEMUSC dobrará o efetivo da Guarda Municipal nos terminais de integração.

“Buscaremos todas as medidas necessárias para garantir a segurança de trabalhadores e passageiros em nossa cidade”, afirmou o gestor da capital.

TCE suspende pagamento da prefeitura de Raposa à empresa alvo da PF

Em decisão tomada pelo pleno do TCE-MA na sessão ordinária desta quarta-feira, 18, foi aceita cautelar pleiteada pelo Ministério Público de Contas (MPC) para determinar ao município de Raposa-MA e à Secretaria Municipal de Saúde daquela cidade a suspensão de pagamentos à empresa Droga Rocha Distribuidora de Medicamentos Ltda.

O pedido de cautelar e consequente voto favorável levam em conta que essa empresa está sendo investigada como parte de uma organização criminosa e teve as contas bancárias bloqueadas e suspenso o direito de contratar com o Poder Público.

Essa suspensão decorre de processo criminal no qual foi identificado que a empresa representada é parte de uma organização criminosa que obtém contratos ilicitamente em municípios do Estado do Maranhão e, após ser contratada, declara fornecimento fictício de medicamentos ou superfatura o valor dos medicamentos fornecidos, utilizando parte dos valores recebidos para pagar propina aos gestores municipais, distribuindo, ainda, dinheiro para os integrantes da organização criminosa por meio de empresas de fachada controladas pelos envolvidos no esquema, e há indicativos de que as fraudes ocorram em outros municípios.

O voto do conselheiro Caldas Furtado também determinou que sejam ouvidos o Município de Raposa-MA, o Senhor Romilson Lopes Froes, Secretário Municipal de Saúde de Raposa-MA, e o representante da Droga Rocha Distribuidora de Medicamentos Ltda. no prazo de 15 dias. A mesma cautelar determina ainda a realização de inspeção in loco para fiscalizar a execução do contrato entre o municio e a distribuidora.

Prefeito Eduardo Braide recebe da Faculdade Florence a Medalha de Honra ao Mérito Nightingale pelo combate à Covid-19 em São Luís

O prefeito Eduardo Braide recebeu a Medalha de Honra ao Mérito Nightingale pelo combate à Covid-19 em São Luís. A honraria foi concedida pela Faculdade Florence na manhã desta quarta-feira (18), durante a abertura da VII Jornada Acadêmico-Científica de Enfermagem. A entrega da medalha é um reconhecimento a todas as políticas implantadas pela sua gestão, sobretudo na área da saúde para minorizar os efeitos da pandemia na capital maranhense.

“A saúde precisa ser encarada como uma prioridade, por isso, no início da nossa gestão encaramos o desafio de cuidar da vida da população de São Luís. Tomei posse como prefeito em 1º de janeiro de 2021 e já no dia 19 estávamos com a campanha de vacinação contra Covid-19 em atividade no Multicenter Sebrae, onde montamos um centro com toda a estrutura necessária para atender milhares de pessoas todos os dias. E graças a toda a minha equipe da Saúde e aos brilhantes profissionais da área em nossa cidade, nos tornamos a Capital Brasileira da Vacina. Se hoje eu estou recebendo esta medalha, é graças ao esforço de todos estes profissionais. Por isso, o meu muito obrigado a cada um deles”, afirmou o prefeito Eduardo Braide.Foto:

Em seu discurso, o prefeito também destacou os esforços de sua gestão para garantir melhores oportunidades de trabalho para os profissionais de enfermagem da capital. “Vamos iniciar uma série de obras na área da saúde, construindo novas unidades básicas para atender a nossa população. Isso significa que precisaremos de mais profissionais para garantir o atendimento. Portanto, são novas vagas de trabalho que serão abertas, inclusive para enfermeiros e técnicos de enfermagem como os que estão se formando aqui na Faculdade Florence”, destacou.

A entrega da Medalha de Honra ao Mérito Nightingale foi entregue ao prefeito Eduardo Braide pela diretora geral da Faculdade Florence, Rita Ivana Barbosa Gomes. “A entrega desta medalha é o reconhecimento do compromisso assumido pelo prefeito Eduardo Braide com a saúde de São Luís. Se hoje nós estamos podendo lotar este auditório, retomando nossos eventos de forma presencial após dois anos muito difíceis, é graças ao trabalho e empenho dele e de toda a equipe de sua gestão. São Luís se tornou referência em todo o Brasil pela rapidez e organização que vacinou toda a sua população. O evento que estamos abrindo hoje reforça não apenas a importância da enfermagem, mas também da ciência como forma de superar momentos difíceis, como o da pandemia de Covid-19. E, se a gestão do prefeito Eduardo Braide conseguiu este resultado tão positivo, é por que levou em consideração estes dois pilares”, afirmou.

 

Capital Brasileira da Vacina

A Campanha Municipal de Vacinação contra Covid-19 começou dia 19 de janeiro em São Luís. No entanto, o trabalho e planejamento da campanha foi iniciado antes mesmo do prefeito Eduardo Braide assumir a Prefeitura de São Luís em 1º de janeiro de 2021. Logo após as eleições, o prefeito Eduardo Braide reuniu uma equipe de técnicos e especialistas para elaborar o plano estratégico de ações de combate à pandemia na capital, incluindo desde uma estrutura exclusiva na rede de saúde para atendimento às pessoas com sintomas de leves a graves, além da vacinação.

Por causa deste planejamento, São Luís alcançou recordes e se tornou referência em todo o Brasil, sendo reconhecida como a Capital Brasileira da Vacina. Ainda em agosto de 2021, apenas sete meses após o início da campanha, São Luís chegou à marca de 1 milhão de doses aplicadas, sendo a única capital brasileira que já havia vacinado, pelo menos com a primeira dose ou dose única, todas as faixas etárias da população em geral a partir dos 12 anos. Naquele mesmo mês, a capital maranhense atingiu 99, 2% de cobertura vacinal da população em geral a partir de 12 anos, tornando-se a única capital do país com tal feito naquele período.

Foto:O sucesso de São Luís deveu-se às estratégias adotadas. Foram disponibilizados nove pontos de imunização, entre fixos e drive-thru, espalhados por todas as regiões da cidade. O maior deles, instalado no Multicenter Sebrae, no Cohafuma, chegou a atender mais de 3 mil pessoas por dia. Somados os nove pontos de vacinação, a cidade chegou a ultrapassar a marca de 22 mil doses aplicadas em um único dia.

Atualmente, São Luís conta com mais de 20 locais de vacinação, que funcionam em unidades básicas de saúde em toda a cidade. A Campanha Municipal de Vacinação contra Covid-19 segue com a finalização do ciclo vacinal de quem ainda aguarda a data para receber as segundas doses, bem como as doses de reforço (terceira e quarta dose). Além disso, quem por algum motivo ainda não iniciou o ciclo de imunização pode ir a qualquer dos postos de vacinação para receber a primeira dose.

A lista completa com os locais de vacinação e o calendário de convocação está disponível nos canais oficiais da Prefeitura de São Luís nas redes sociais.

MP vê ligação de ex-prefeito com Gláucio Alencar em desvios de R$ 3,4 mi

DO Blog do Gilberto Léda 

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) ofereceu, nesta terça-feira, 17 de maio, Denúncia contra os envolvidos em suposto desvio de recursos do Município de São Francisco do Brejão (termo judiciário de Açailândia), no período de outubro de 2011 a julho de 2012, no total de R$ 3,4 milhões.

Na manifestação, a titular da 2ª Promotoria de Justiça de Açailândia, Glauce Mara Lima Malheiros, cita o ex-prefeito Alexandre Araújo dos Santos (que administrou o município de 2009 a 2012) e os funcionários particulares dele, Wandison Pinto (conhecido como Boy) e Amanda Araújo, prima e agente financeira particular do ex-gestor e responsável pelos comitês financeiros de diversos candidatos a vereador em São Francisco do Brejão durante as eleições de 2008.

A Denúncia foi motivada pela movimentação bancária dos recursos, com o objetivo de ocultar e simular natureza, origem e localização dos valores desviados, constatada pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) em uma das contas bancárias de Wandison Pinto com quantias vindas do Município.

Os valores eram transferidos da conta do Município diretamente à de Wandison Pinto, que fazia saques e repassava, em dinheiro, ao ex-prefeito e a Amanda Araújo.

Recursos também eram transferidos para outras contas para custear despesas privadas, incluindo aquisição de salas comerciais para a ex-esposa de Alexandre Santos, Maine Sarmento; pagamento de passagens aéreas e um empréstimo pessoal feito pelo ex-prefeito, além de outras despesas.

Parte dos recursos creditados era, ainda, usada para pagar pequenas despesas do Município. “Não havia separação de fato entre aquilo que era gasto com o Município e os valores destinados para despesas privadas”, enfatiza a promotora de justiça.

MOVIMENTAÇÃO ATÍPICA

No período das ilegalidades, apesar de ser gerente administrativo em empresa privada, com renda mensal declarada de R$ 5 mil, Wandison Pinto movimentou R$ 7,77 milhões, demonstrando movimentação financeira atípica, incompatível com sua atividade. Depósitos na conta dele totalizaram o valor de R$ 3.381.064,15 (advindos de recursos municipais).

Além disso, a conta do assessor pessoal do ex-prefeito recebeu valores de empresas e pessoas físicas sem vínculo direto com ele, mas que mantiveram contrato com a Prefeitura de São Francisco do Brejão no período, indicando pagamento de vantagens indevidas ao ex-prefeito, devido a processos licitatórios vencidos por empresas, entre elas, a Soloágua Construções e Perfurações Ltda, que creditou R$ 100 mil na conta de Wandison Pinto.

O total de débitos foi R$ 3.876.177, dos quais 98% foram relativos a saques em espécie e justificados como pagamentos de despesas da Prefeitura.

Um empresário que prestou serviços de locação de veículos ao Município transferiu R$ 95,5 mil. Empresas e pessoas jurídicas também transferiram R$ 150 mil à conta do assessor.

Foram observados 14 depósitos no valor total de R$ 32,8 mil. Além disso, 98,14% dos débitos oriundos da conta de Wandison referiam-se a destinatários não identificados.

Os débitos incluíram os nomes de Amanda Araújo e outro doador à campanha eleitoral de Alexandre Santos, em 2012. A mãe de Amanda também recebeu recursos oriundos da conta de Wandison.

O Condomínio Aracati Office, em Imperatriz, recebeu R$ 29,4 mil como quitação de duas salas comerciais adquiridas pela ex-esposa de Alexandre Santos.

A maioria das transações bancárias na conta de Wandison Pinto foram saques que beneficiaram pessoas incluindo a ex-exposa do prefeito (R$ 92.212,00), a candidata a vereadora do Município de São Francisco do Brejão nas eleições de 2016, Eliane Melo (R$ R$ 85.700,00) e Amanda Araújo (R$ 68.383,93).

Controladoras da conta bancária do edifício onde o ex-prefeito Alexandre Santos residia, as empresas Aracati Office Construções e Incorporações Ltda e Aracati Office Spe 04 Construções e Incorporações Ltda receberam créditos de R$ 65.587,11.

Uma empresa atacadista de resíduos e sucatas metálicos, cujo sócio administrador é o tio do ex-gestor, recebeu R$ 61 mil. Uma consultoria atuarial e financeira, que firmou convênio com o Município de São Francisco do Brejão em 2010, foi beneficiada por depósito de R$51.196,00.

Um candidato a vereador nas eleições de 2008 e 2012 recebeu R$ 25 mil. O valor de R$ 21.232,67 beneficiou o próprio ex-prefeito, que, atualmente, possui vínculo funcional com a Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão.

Vinte mil reais foram parar na conta do pai da ex-esposa de Alexandre Santos.

A mesma quantia beneficiou o suposto mentor do assassinato do jornalista e blogueiro Décio Sá, em 2012. O empresário Glaucio Pontes é réu em ações penais pelos crimes de agiotagem, fraude a licitações, organização criminosa e homicídio qualificado. Na residência de Pontes foi apreendida documentação relativa a licitações ocorridas no Município de São Francisco do Brejão.

Empresário no ramo de venda de veículos no Município de São Luís, Paulo Venturini recebeu outros R$ 20 mil.

OUTROS BENEFICIÁRIOS

Outros 13 beneficiários, incluindo a Câmara de Vereadores de São Francisco do Brejão, a conta eleitoral do ex-prefeito no pleito municipal de 2012 e a mãe de Amanda Araújo, receberam recursos no valor total de R$ 179 mil, oriundos da conta de Wandison Pinto.

“A despeito dos argumentos intentados pelos denunciados, não restaram provados que os valores transferidos foram utilizados para o custeio de despesas públicas, senão para destiná-los ao desvio de recursos públicos em proveito de Alexandre Araújo, chefe e mentor do esquema criminoso, tanto assim que a maioria dos débitos da conta de Wandison foram efetuados com o objetivo de tornar irrastreável o numerário desviado”, esclarece a representante do MPMA, na Denúncia.

PEDIDOS

O Ministério Público requer a condenação dos três acusados pela prática do crime de responsabilidade de apropriação de bens ou rendas públicas ou desvio em proveito próprio ou alheio e lavagem de dinheiro. Caso condenados, as penas vão de reclusão de dois a doze anos e pagamento de multa.