André Fufuca enquadra Ricardo Capelli, o todo poderoso do governo Dino

O secretário de Comunicação do Governo Flávio Dino, Ricardo Cappelli, tomou uma enquadrada daquelas, no último domingo (16), nas redes sociais. O autor da proeza foi o deputado federal e presidente do PP no Maranhão, André Fufuca.

Cappelli fez uma crítica ao senador Ciro Nogueira, que é presidente nacional do PP e atualmente responde pela Casa Civil do Governo Jair Bolsonaro. Cappelli se incomodou com o artigo de Ciro Nogueira, publicado em O Globo, afirmando que o Brasil se transformaria em uma Venezuela, caso o ex-presidente Lula (PT) voltasse a comandar o país.

Cappelli lembrou que Ciro Nogueira sempre esteve do lado de quem está no poder e que agirá assim, em janeiro de 2023.

Ciro Nogueira apoiou Lula, apoiou Dilma, apoiou Temer e agora defende Bolsonaro. No dia 1° de janeiro de 2023 estará novamente na porta de Lula. Sinceramente, nenhuma novidade”, escreveu.

André Fufuca saiu em defesa de Nogueira e enquadrou o secretário de Comunicação do Governo Dino. Fufuca lembrou que o PCdoB, partido que Cappelli esteve durante algum tempo, já integrou, por exemplo, o Governo Roseana no Maranhão.

“Menos secretário, o PC do B fez parte do governo Roseana nos anos 90. Pouco tempo depois dizia ser a pior desgraça do Maranhão. Marcos Kowarick ocupava secretaria, inclusive. Motivação do PP é garantir governabilidade aos eleitos pelo povo”, afirmou o parlamentar.

Do blog do Jorge Aragão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.