Prefeito Edivaldo entrega mais oito praças aos moradores do bairro Cohab Anil

O prefeito Edivaldo Holanda Júnior entregou, na noite deste sábado (26), um conjunto de mais oito praças aos moradores do bairro Cohab Anil, distribuídas ao longo da Avenida 04, onde também foi implantado um canteiro central de cerca de 700 metros, o que vai garantir mais segurança aos condutores e pedestres.

Os novos espaços de lazer foram construídos em áreas do bairro sem qualquer infraestrutura, enquanto o canteiro se deu em atendimento a uma demanda histórica dos moradores da área, que temiam por acidentes de trânsito. Ambas as ações foram coordenadas pelo Instituto Municipal da Paisagem Urbana (Impur) e integram o programa São Luís em Obras, que está promovendo a transformação de vários bairros da cidade.

“Estamos transformando esta região com a construção de espaços públicos de lazer. Já inauguramos um conjunto de 10 praças, recentemente, na Avenida 02 e agora estamos inaugurando mais oito ao longo da Avenida 04, que também ganhou canteiro central e vai ajudar para um trânsito mais organizado. Para além daqui, também estamos avançando com a reconstrução do Mercado da Cohab, importante equipamento para toda a região, que também vai ganhar a revitalização do canal do Cohatrac/Cohab, com mobiliário urbano, iluminação e espaços para a prática de atividade física. Tudo isso é fruto do programa São Luís em Obras, que está levando mudança tanto aos bairros da zona urbana quanto na zona rural da nossa cidade”, pontuou o prefeito Edivaldo.

Acompanharam o gestor na inauguração a primeira-dama, Camila Holanda, os secretários de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Émerson Macêdo; de Representação Parlamentar, Nonato Chocolate; de Turismo, Socorro Araújo; de Governança Solidária e Orçamento Participativo, Olímpio Araújo; de Segurança Alimentar, Fatima Ribeiro; de Obras e Serviços Públicos, Antonio Araújo e o presidente do Impur, Fábio Henrique Carvalho.

As oito praças construídas pela Prefeitura de São Luís contam com mobiliário urbano como bancos e lixeiras, equipamento de ginástica para a prática de exercício físico ao ar livre, inclusive para idosos, pista exclusiva para caminhada e respeitam todas as normas de acessibilidade para integração de todos os públicos, contendo rampas para cadeirantes e piso tátil.

Já o canteiro central substitui o traçado viário que dividia as duas mãos da via, mas que, não sendo uma estrutura física e que de fato pudesse impedir retorno e outras manobras irregulares, era ignorado por muitos condutores, tornando o trânsito na região, que tem fluxo bastante intenso, perigoso para os moradores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.