Dino diz que Bolsonaro chega fraco em 2022; e Lula ganha se disputar

 

 

Blog do Gilberto Léda

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), afirmou ontem (14), durante entrevista ao Jogo do Poder, da TV Meio Norte, do Piauí, que o ex-presidente Lula (PT) vence as eleições de 2022 para a Presidência da República se puder disputar o pleito.

Por ora, o petista está inelegível porque foi condenado criminalmente no caso do Triplex do Guarujá em segunda instância.

“Se o Lula tivesse disputado em 2018 tinha ganho, se ele disputar em 2022 ele ganha. Eu não tenho dúvida quanto a isso. Uma leitura isenta. E eu faço questão sempre de lembrar que, de três eleições de governador do Maranhão que eu disputei, eu só tive apoio do PT em uma delas, na última, na mais recente. Em duas o PT não me apoiou. Ou seja: eu tenho um certo distanciamento para poder dizer, a minha análise é baseada em fatos”, afirmou Dino.

Na mesma entrevista, o comunista declarou que o atual presidente, Jair Bolsonaro, ainda é um candidato forte, mas chegará fraco nas próximas eleições. “Hoje é um candidato forte acho que em [20]22 chega mais fraco”

O governador maranhense também avaliou Sérgio Moro. “Não acredito na sua viabilidade eleitoral em nível nacional”, completou.

1 pensou em “Dino diz que Bolsonaro chega fraco em 2022; e Lula ganha se disputar

  1. É o que deseja a esquerda, mas infelizmente, a direita com Bolsonaro foi um equívoco enorme. Os políticos brasileiros não são nenhum pouco confiáveis, pois discursam de um jeito e na hora da prática o que prevalece é a velha política e ainda assim encontra eleitores idiotas o bastante para reelegê-los. Eu abomino todos eles, principalmente esses que têm mandato no qual Flávio Dino é um deles.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.