Prefeitura de São Luís recebe recicláveis em Ecopontos

A Prefeitura de São Luís já reativou o serviço de recebimento de resíduos recicláveis e volumosos nos Ecopontos, que tiveram atividades paralisadas no início da pandemia de coronavírus na capital. Quem guardou resíduos recicláveis ou volumosos durante esse período em que o serviço esteve suspenso poderá procurar um dos 18 equipamentos do tipo existentes na cidade, de segunda a sábado, das 7h às 19h. Neste processo de retomada das atividades, desde o último dia 8 o serviço de coleta seletiva domiciliar, por agendamento, também está em funcionamento, respeitando rigorosamente normas e padrões de higiene.

Os Ecopontos, bem como a coleta seletiva domiciliar por agendamento, fazem parte das políticas de profissionalização da gestão de resíduos sólidos implantadas na gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior que colocou São Luís como a capital do Nordeste com maior taxa de reciclagem.

“As atividades dos Ecopontos são muito importantes para o bom andamento da nossa política de gerenciamento de resíduos sólidos. Assim como os serviços regulares de coleta, estamos neste momento retomando os serviços seguindo um novo planejamento dos trabalhos, respeitando as normas atuais de saúde e de forma a prestar o melhor atendimento à população”, comentou o prefeito Edivaldo.

Nos Ecopontos podem ser entregues resíduos recicláveis secos, que são compostos, principalmente, por metais (como aço e alumínio), papel, papelão, tetrapak, diferentes tipos de plásticos e vidro, assim como os resíduos volumosos, que são aqueles que apresentam grandes volumes e dificuldade de manejo e são compostos por móveis, eletrodomésticos, pneus, sucatas, entulhos de obras, restos de poda e capina. Os Ecopontos são responsáveis pela destinação correta para o reaproveitamento dos resíduos que são recicláveis.

1 pensou em “Prefeitura de São Luís recebe recicláveis em Ecopontos

  1. O IPAM fez uma licitação recentemente p/ contratação de uma empresa para limpeza, asseio e obstrução de fossas do órgão, a Maxtec já tem o contrato de limpeza no qual limpa as instalações dos prédios do Ipam e isso há mais de 5 anos, e para a surpresa de ninguém, saiu o resultado do certame no diário oficial é a “vencedora” foi a Maxtec serviços, para registro de preços em ata para eventual contratação, e o resultado foi óbvio demais. Houve tb uma licitação, para registro de preços no fim de julho, para o serviços de limpeza dos hospitais e das unidades administrativas da Semus, o resultado ñ foi divulgado no Diário oficial, quem já tem o contrato é a Maxtec serviços, não será surpresa se ela tb foi a vencedora do certame, mas fica a sensação de que o prefeito Edivaldo considera a população burra e acéfala a ponto de ñ entender certas coisas, ano passado na maior cara de pau a Clasi serviços “venceu” a licitação para limpeza das escolas, acontece que a própria empresa já estava a frente do contrato desde janeiro de 2013 qd Edivaldo assumiu o primeiro, até os gestores de escolas ficaram perplexo com o resultado da licitação porque é muuta coincidência a mesma empresa vencer por supostamente ser a melhor no universo de tantas outras que concorreram. Fica a dica ao prefeito, se ainda for fazer licitação para contratação de serviços, não o faça contrate diretamente a que já tiver o contrato fica menos constrangedor do que achar que as pessoas são ignorantes a ponto de acreditar em lisuras de processos licitatórios. Vou aguardar o resultado do certame da Semus para registro de preços para a limpeza das unidades da secretaria para saber se atual empresa é tão boa que não tem concorrentes .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.