Edivaldo encerra 2019 consolidando avanços no serviço de transporte urbano

Faltando cerca de uma semana para terminar 2019 e iniciar seu último ano como prefeito reeleito de São Luís, Edivaldo Holanda Junior (PDT) tem muitos legados para deixar para a cidade. E mesmo os críticos à sua gestão precisam admitir que ele promoveu uma revolução em diversas áreas. O transporte coletivo foi uma delas. Nesta véspera de Natal o pedetista apresentou os novos ônibus inseridos no sistema de transporte urbano de São Luís e consolida sua gestão como a que promoveu a renovação e modernização do sistema. A partir de agora a capital passa a contar com cerca de 720 ônibus novos em circulação.

A renovação da frota de ônibus de São Luís é um enfrentamento nunca antes visto na capital maranhense, sendo resultado da licitação do sistema realizada ainda em seu primeiro mandato. Este era mais um gargalo que as gestões anteriores não conseguiram solucionar. O contrato assinado garante que todas as melhorias que Edivaldo vem implantando tenham continuidade nas gestões que o sucederem. E quem ganha com isso é o usuário, que agora não corre mais risco de ter o serviço precarizado.

Desta forma, Edivaldo, que encontrou um sistema que tinha uma frota com idade média de 10 anos (e até mesmo veículos circulando há quase 20 anos) já reduziu a idade média para 4,5 anos e fez de São Luís a frota de transporte coletivo mais nova dentre as capitais nordestinas. Outro marco importante é que São Luís conta com quase metade da frota com ar-condicionado.

Além de renovar a frota, Edivaldo promove a sua modernização. Todos os novos veículos contam com acessibilidade  para pessoas com mobilidade reduzida; GPS, que permitiu ao sistema serviços como Biometria Facial, para coibir fraudes no uso de gratuidades e meia-passagem; Bilhete Único; Recarga Embarcada; Cartão Criança; aplicativo Meu Ônibus, entre outros que operam em toda a frota circulante, garantindo mais comodidade e segurança aos passageiros.

Por tudo isso, é preciso reconhecer que a precariedade do sistema de transporte coletivo de São Luís foi mais um problema crônico resolvido na gestão Edivaldo Holanda Junior.

1 pensou em “Edivaldo encerra 2019 consolidando avanços no serviço de transporte urbano

  1. A gestão é boa só no papel e na propaganda, esses ônibus “novos” são só para fotos porque para circular são os velhos que vemos na maioria absoluta dos que andam nas ruas e avenidas da capital, eu já perdi a conta de quantas vezes reclamei da má qualidade das sucatas que tenho que pegar são coletivos sujos, velhos, às vezes, até bancos, suportes onde o usuário deveriam se segurar soltos, as empresa sequer se preocupam em limpar e higienizar as sucatas velhas que circulam, quer uma prova pegue um coletivo da vila Luizão que é uma lástim. Outra coisa, a questão da educação que ele diz avançar, mas só para o buraco, os alunos estão de recesso retornarão dia 2 de janeiro para concluir o ano letivo de 2019, quer dizer os alunos começam o ano letivo e só terminam no ano seguinte quando as escolas estaduais e as particulares estarão retornando as suas atividades, sem contar com a falta de agentes administrativos nas escolas porque os remanescentes se aposentaram ou estão em processo em curso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.