Carlos Lupi quer PDT com candidatura própria, mas pedetistas maranhenses temem por vagas proporcionais…

Blog do Marco D’Eça

Há um choque de opiniões no PDT sobre o futuro do partido nas eleições de outubro.

O presidente nacional da legenda, Carlos Lupi, entende que – após a traição do PCdoB, que tirou a vice do partido – o melhor caminho para a legenda é lançar candidatura própria, para – mesmo que não vença – chegar em condições mais favoráveis de negociações no 2º Turno.

Mas os líderes pedetistas no Maranhão botaram na cabeça que só conseguirão eleger deputados federais ou estaduais se for na chapa do comunista Flávio Dino.

Principal nome do partido para uma disputa majoritária, o ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, calcula que sua campanha poderá garantir, pelo menos, dois deputados federais e quatro estaduais, sobretudo por causa do voto de legenda.

Entre os líderes maranhenses mais temerosos em relação a um afastamento de Flávio Dino – mesmo depois da humilhação imposta  ao partido – estão o presidente pedetista, Julião Amin, e o secretário-geral e deputado federal Weverton Rocha, agora vice-líder do governo Dilma (PT) na Câmara Federal.

Aliados de Flávio Dino meteram na cabeça de Amin e Rocha que eles só conseguirão se eleger se estiverem no chapão comunista.

Além disso, os dois sofrem pressão da bancada na Assembleia Legislativa – Carlinhos Amorim e Valeria Macedo – também convencidos de que a aliança com Dino, mesmo pelo beiço, é o único caminho.

Mesmo assim, Hilton Gonçalo continua a insistir que pode garantir bom espaço para o PDT se for candidato ao governo.

E tem um argumento coerente:

– Com candidatura própria, seja qual for sua votação, o PDT retoma as condições políticas para negociar bem no 2º Turno.

Resta saber quem convencerá quem…

1 pensou em “Carlos Lupi quer PDT com candidatura própria, mas pedetistas maranhenses temem por vagas proporcionais…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.