Bancários realizam ato público na manhã desta quinta-feira

SÃO LUÍS – Os bancários maranhenses realizam ato público, na manhã desta quinta-feira (19), em frente à agência do Banco do Brasil da Praça Deodoro, centro da capital maranhense, com o intuito de intensificar as discussões sobre as reivindicações dos bancários.

A categoria realizará assembleia de avaliação do primeiro dia de greve, iniciada nesta quinta-feira (19). A reunião ocorre, às 17h, na sede do SEEB-MA, para discutir meios de ampliar o movimento paredista.

Marcelo Araújo Bastos, um dos representantes do Sindicato dos Bancários do Maranhão, disse que a entidade convoca toda a categoria para participar da greve, fortalecendo os piquetes nas agências.

– Só uma grande mobilização será capaz de pressionar a classe patronal a atender as reivindicações dos bancários que visam, não só, um ganho econômico para a categoria, mas condições dignas de trabalho para os bancários e de atendimento aos clientes e usuários dos bancos – assegurou.

A Greve

No último dia 12/09, os bancários maranhenses rejeitaram a proposta dos banqueiros de reajuste de 6,1% e decidiram entrar em greve por tempo indeterminado a partir desta quinta-feira (19). A paralisação é nacional e atingirá os bancos públicos e privados.

Reivindicações

Os bancários do Maranhão reivindicam reajuste de 22%, isonomia, respeito à jornada de 6h, PLR de 25% do lucro líquido distribuídos de forma linear, piso do Dieese (R$ 2.860,21), reposição das perdas salariais, combate ao assédio moral, fim das demissões imotivadas, saúde, segurança, respeito à Lei das Filas, além da contratação de mais bancários, para reduzir as filas e melhorar as condições de trabalho e atendimento nas agências, dentre outras.

(Imirante.com)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.