Márcio Jerry na luta por direitos humanos no Congresso Nacional

Representando a Bancada Comunista, o deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) participou, nesta terça-feira (12), da mobilização para formar a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Democracia e dos Direitos Humanos. A reunião, ocorrida na Câmara dos Deputados, contou com a participação de movimentos sociais e parlamentares.

A Frente Parlamentar Mista em Defesa da Democracia e dos Direitos Humanos tem como objetivo a atuação ainda mais ativa de representantes da sociedade civil, usando do espaço para lutar contra retrocessos apresentados pelo governo Jair Bolsonaro.Márcio Jerry destacou que será preciso muita resistência para defender as liberdades, pois há uma tentativa de intimidação dos setores progressistas, da esquerda e dos movimentos sociais.

“Isso não é admissível, e devemos nos unir numa frente ampla, que se reúne na defesa da democracia e dos direitos para que essa luta alcance as ruas de todo o país. É importante começarmos esta legislatura com essa iniciativa para que possamos reverter esta agenda neoliberal e fascista, que tenta sepultar direitos fundamentais”, afirmou Jerry.

Durante a reunião, pelo menos 40 entidades apresentaram carta ao Congresso Nacional para pedir que a frente fosse lançada.

“Numa lógica de reforçar históricos processos de desinformação, o governo se vale do desconhecimento de grande parte da população para, muitas vezes, desvirtuar o debate sobre o que realmente significam os direitos humanos, conceituando-os como sinônimo de impunidade e injustiça”, destaca o documento.

Na carta, registra-se também a preocupação com a edição da Medida Provisória (MP) 870, no primeiro dia de gestão Bolsonaro, que prevê o monitoramento e controle das atividades de organizações não governamentais e organismos internacionais pela Secretaria de Governo, afrontando dispositivos constitucionais.

Integrantes das entidades e dezenas de deputados manifestaram apoio à Frente Parlamentar Mista em Defesa da Democracia e dos Direitos Humanos.

Portal vermelho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.