Sem resposta em audiência, Fábio Câmara vai pedir à Semed relação de diretores exonerados

Fábio Câmara com cara de poucos amigos, ao passar por trás do secretário de Educação Allan Kardec (na tribuna)

O líder da oposição na Câmara Municipal de São Luís (CMSL), vereador Fábio Câmara (PMDB), não ficou satisfeito com as explanações do secretário Municipal de Educação, Allan Kardec Duailibe, durante audiência da Comissão de Educação da Casa, que discutiu sobre demissões de diretores das escolas municipais e temas relacionados à pasta.

Dentre outros assuntos debatidos, o gestor não conseguiu explicar quais critérios foram usados para exoneração e transferência de diretores na rede municipal de ensino e qual a previsão para que a escola em tempo integral seja implantada.

“Parte do que o secretário falou aqui nós já tínhamos conhecimento, o que nós queremos saber são quantas escolas de tempo integral já foram implantadas pela gestão do prefeito Edivaldo de Holanda Júnior (PTC), pois as únicas unidades que existem foram deixadas pelo ex-prefeito João Castelo (PSDB)”, destaca o parlamentar do PMDB.

O líder da oposição disse ainda que, como a explanação do secretário de Educação, em relação à exoneração e transferência dos diretores de escolas não são claras, vai solicitar à Secretaria de Educação, por meio de ofício, a relação dos diretores exonerados e nomeados. “O secretário não convenceu com suas colocações, enrolou, enrolou e não explicou nada”, declarou Fábio Câmara.

O secretário Allan Kardec, em um determinado momento chegou a se irritar  com as perguntas de Câmara e afirmou que estava constrangido com alguns questionamentos, mas suas colocações não convenceram o líder da oposição na Casa. “Estou saindo do mesmo jeito que entrei: com dúvidas e sem respostas”, concluiu Fábio.

Casos de pedofilia 

De acordo com Allan Kardec Duailibe,  para trocar os gestores escolares, ele levou em conta o baixo desempenho da escola no Ideb, a má-gestão e até eventuais processos administrativos a que eles respondiam.

Mas há casos até de processos por pedofilia, segundo a assessoria da Comissão de Educação da Câmara Municipal. A maioria dessas diretorias e coordenadorias era feudo do PDT há mais de 20 anos. O que o comunista Allan Kardec fez, portanto, foi mexer num vespeiro. Mas ele próprio admitiu que muitos foram trocados também para que fossem nomeados técnicos indicados pela cúpula da própria Semed e da prefeitura.

O vereador Fábio Câmara pretende solicitar a relação dos diretores demitidos e os critérios que levaram à demissão de cada um.

 

1 thought on “Sem resposta em audiência, Fábio Câmara vai pedir à Semed relação de diretores exonerados

  1. ou esse vereador é doido ou se faz de doido o mmotivo foi dado se a melhora do ideb e esses casos de pedofelia não é um bom argumento então não sei o que ele quer, talvez sei e manter alguem que não passou em concurso para a prefeitura ou manter alguem que o apoio, como um diretor da area itaqui bacanga vou me certificar se esse saiu ou permanece no cargo.o ideb de são luis é um dos piores do brasil entre as capitais,pois a mesma merece fik em posição melhor recebe um recurso bem alto para isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.